Receba dicas grátis!

O que avaliar para não cair em armadilhas na hora de comprar imóveis?

2f

Na hora de comprar imóveis para investir é fundamental tomar alguns cuidados que vão garantir a satisfação e o retorno dessa decisão. Além de tudo, esse tipo de cuidado evita que você caia em armadilhas, comprometendo seu dinheiro em imóveis que vão gerar problemas e dores de cabeça.

Enquanto alguns elementos são secundários nessa avaliação, outros são pontos de atenção que devem ser considerados. Sendo assim, veja a seguir o que você deve avaliar para não cair em armadilhas.

Avalie a documentação completa

A documentação de um imóvel pode trazer muita dor de cabeça se não for avaliada corretamente. Se um imóvel faz parte de um processo de alienação ou disputa judicial, por exemplo, ao comprá-lo você se verá em meio a essa disputa e poderá perdê-lo ao final.

Débitos passados, como impostos municipais ou valores condominiais, também são transferidos ao novo proprietário. Para não fazer um negócio que vai sair mais caro do que o previsto, o ideal é passar a documentação por uma avaliação criteriosa antes de comprar imóveis.

Inspecione as condições do imóvel

Se a documentação estiver em dia é importante buscar informações sobre as condições do imóvel. As fotos e vídeos nem sempre são realísticas então o ideal é visitar e inspecionar o imóvel — se possível, com profissionais capacitados.

Isso vai dar um panorama completo da possível necessidade de reformas ou se há algum problema que inviabilize a compra, como um de ordem estrutural.

Para evitar cair em armadilhas esses problemas precisam ser descobertos antes da compra, pois assim é possível tomar uma decisão mais assertiva.

Leve a localização em consideração

Outro ponto que deve ser levado em conta na hora de comprar imóveis é a localização. Um imóvel pode parecer pouco atraente, mas se estiver em uma região de valorização pode passar a ser um ótimo investimento — e o inverso também vale.

O recomendado é pensar em questões como movimento, acessibilidade, estrutura e segurança do local. Todos esses pontos contam a favor — ou contra — de um possível preço de aluguel ou venda do imóvel e, portanto, interferem na rentabilidade do seu investimento.

Calcule o retorno ao comprar imóveis

Por falar em rentabilidade, o cálculo do retorno evita armadilhas e, mais do que isso, permite que você faça a melhor alocação de recursos na hora de fazer os investimentos.

Para calcular o retorno você deverá fazer a relação entre o ganho com o investimento e o valor inicial. Se você compra um imóvel de R$ 120 mil e pode revendê-lo por R$ 150 mil, o retorno será de 25%. Já se você compra um imóvel de R$ 200 mil e pode fazer a venda por $ 220 mil, o retorno será de 10%.

Com isso, embora o valor líquido de R$ 220 mil seja maior do que R$ 150 mil, o retorno do imóvel mais barato, nessas condições, é maior. Isso é importante para evitar armadilhas em que o valor de venda é efetivamente muito grande e atraente, mas o retorno é baixo ou, muitas vezes, nulo ou negativo.

Na hora de comprar imóveis, você deve levar em consideração questões como documentação, condições do imóvel, localização e possível retorno. Assim, você consegue identificar as melhores oportunidades e evita cair em armadilhas diversas.

Aproveite para comentar quais são as coisas que você leva em consideração nesse momento!

Adicionar comentário