Receba dicas grátis!

Saiba como uma avaliação imobiliária é feita

Os imóveis (sejam residenciais, sejam comerciais) são avaliados por especialistas para que sejam precificados conforme a visão de mercado. É um procedimento importante para a venda e a locação. Não é possível definir os valores e as condições de negociação se o imóvel não for previamente e corretamente analisado.

Essa análise se materializa na forma de pareceres e laudos técnicos elaborados por profissionais qualificados, os peritos avaliadores de imóveis. Eles conseguem identificar certas peculiaridades e não deixam os detalhes passarem despercebidos com sua inspeção mais acurada.

Leia o artigo e veja como é realizada uma avaliação imobiliária!

A importância da avaliação imobiliária

Avaliar o imóvel é um procedimento importante não somente nas negociações imobiliárias, mas nos processos em que são oferecidas garantias. Quando se faz um empréstimo ou quando alguém é fiador de imóveis, é necessário fazer o lançamento dos dados relacionados ao imóvel, como condições estruturais e valor.

Nessas situações, é de máxima importância ter um documento oficial de avaliação para assegurar que a negociação correrá dentro da legalidade e integridade. Em questões particulares, a avaliação imobiliária é fundamental para quem deseja fazer atualizações do patrimônio, planejamento tributário e contratação de seguros.

Essa avaliação também é importante nos casos de inventários (questões de herança), em processos de divórcios, em permutas de imóveis, em casos de inadimplência (o banco retoma um imóvel, mas o proprietário julga que ele tem um valor mais alto que o estipulado pela instituição financeira).

A avaliação e o corretor imobiliário

Um corretor até pode sugerir um preço para o dono do bem, mas para a elaboração de um laudo técnico é preciso recorrer a um profissional cujo título é “avaliador imobiliário”. Esse título é assegurado a todo corretor que tem curso superior em gestão imobiliária ou tem certificação de especialista em avaliação imobiliária fornecido pelo COFECI (Conselho Federal de Corretores Imobiliários).

No site do COFECI, é possível fazer uma consulta no CNAI (Cadastro Nacional de Avaliadores Imobiliários) e conferir os corretores que têm o título de avaliador imobiliário.

Os arquitetos e os engenheiros civis também podem determinar valores para os imóveis e elaborar pareceres técnicos. Contudo, considera-se a consulta aos corretores de fundamental relevância, já que eles estão sempre atuando no mercado de imóveis de uma ou mais regiões.

A avaliação documentada feita pelo avaliador imobiliário recebe o nome de “parecer técnico de avaliação mercadológica”.

O parecer técnico de avaliação mercadológica

O parecer técnico de avaliação imobiliária apresenta um valor para o imóvel e também especifica os motivos pelos quais o bem recebeu aquele determinado valor.

O documento traz dados sobre a estrutura do imóvel, os comparativos de imóveis parecidos comercializados na mesma área, informações valiosas sobre a infraestrutura, o zoneamento, a mobilidade urbana.

Com o parecer, o proprietário não precisa ficar ansioso em relação à venda de sua casa, apartamento ou terreno, pois entenderá se está fazendo um bom negócio, ou seja, se o preço de venda está adequado, abaixo ou acima do valor efetivo de mercado.

A avaliação de imóveis usados

No caso de imóveis usados, geralmente, há muitas contrapropostas durante a venda do bem pelo proprietário.

Em situações desse tipo, o dono também fica protegido nas transações, pois a avaliação mercadológica serve para fundamentar o preço definido por ele.

Os critérios que pesam em uma avaliação imobiliária

Os valores dos imóveis são influenciados por critérios racionais e emotivos. Os mais importantes são:

  • localização;
  • dimensões;
  • estado de conservação;
  • infraestrutura da região (serviços de água, luz, telefone, internet, transporte público, limpeza, condições das ruas);
  • área de lazer do condomínio;
  • segurança.

Os apartamentos mais altos costumam custar mais caro, bem como os imóveis mais novos. Até a posição norte/sul/leste/oeste e os lados direito/esquerdo podem influir na avaliação do imóvel.

A avaliação imobiliária é um procedimento formal que ajuda a garantir a lisura nas transações imobiliárias, satisfazendo tanto o vendedor quanto o potencial comprador.

Depois de ler o texto e entender mais a fundo por que é importante fazer uma avaliação mercadológica do imóvel, aproveite para curtir a página da Franco leilões no Facebook!

Adicionar comentário